Search
  • ANDRELUIZ-AUTORALL-

DIA DO POETA

20 de outubro. Dia do Poeta. Segundo a Wikipedia, “Poeta” é a pessoa que, por meio das palavras expressa emoções, sentimentos ou sensações e que, com isso, cria “Poesia”.


Foi por meio da Poesia que, por aqui, aprendemos muito sobre o amor. Por exemplo, que amor é estado de graça e com amor não se paga (Carlos Drummond de Andrade). Que nas palmas das mãos da pessoa amada, podemos ler as linhas de nossas próprias vidas (Cora Coralina). Que o que a memória ama, fica eterno (Adélia Prado). Que ele não se encontra nem na partida, nem na chegada, mas na travessia (Rubem Alves). Que na desordem do armário embutido, paletós enlaçam vestidos (Chico Buarque). E, ainda, que mesmo o amor que não compensa é melhor que a solidão (Vinícius de Moraes).


Com a poesia, aprendemos muito mais, na verdade – e não apenas sobre o amor.


Em especial, penso eu, aprendemos que, por mais que o cotidiano insista em tentar nos fazer crer no contrário, a vida sem “coisas inúteis” como a arte, em suas tantas formas de se manifestar, reduz-se a simples sobrevivência, sem cor, sem sabor, sem beleza. Benditas sejam as "coisas inúteis" da vida e seus criadores.


Em meio à aspereza da luta cotidiana pela simples sobrevivência, é justamente por meio dessas “coisas inúteis” que nos reencontramos com nossas esperanças, com nossos valores, com nossa força interior para enfrentar os desafios do dia-a-dia sem nos perdermos de nós mesmos, de nossa própria essência.


Que ela, a arte - e hoje, em especial, poesia – possa continuar alimentando nossas almas, para além de nossos corpos; nossos corações, para além de nossas mentes. Nosso viver, para além de nossa simples sobrevivência.

10 views